TURMA DE SEMIOLOGIA – NÍVEL 3 – FORMAÇÃO ATQ

1) FAVOR CADA ALUNO COLOCAR O SEU RESUMO CONFORME COMBINADO EM AULA. (Aline, Eliza, Eduardo, Carolina,Aguida,Carla e Ivanilda). sede…suor…micção…defecação..calor…frio..

4 Respostas to “TURMA DE SEMIOLOGIA – NÍVEL 3 – FORMAÇÃO ATQ”

  1. Aline Coelho Says:

    URINA

    Urina Normal:

    Freqüência: 4 a 6x ao dia; 1x a noite
    Cor: amarela clara
    Volume: de 1000ml a 1800ml, podendo variar conforme o volume de liquido ingerido, temperatura ambiental, nível de sudorese, idade.

    Cor da urina:
    Urina escura e escassa = calor
    Urina clara (branca) = frio
    Urina escura ocorre na diminuição de Umidade ou pela deficiência de Qi BA e dos Rins
    Urina escassa e amarela indica síndrome de calor, Def. Yin ou lesão dos liquidos corporais.

    A cor da urina clara e abundante indica presença de frio; urina clara pode ser também por excesso ou deficiencia.
    Urina Turva: Umidade-calor
    Urina turva leitosa: Def. yang do rim (que não esta controlando as essências deixando escapar pela urina)
    Hematuria: sangue na urina, aparece quando o calor lesa os vasos sanguíneos
    Síndrome Ling: sangue, calor ou pedra (sistema urinário)

    Volume da Urina:
    Poliúria: aumento de volume urinário.
    Def. Yang do rim;
    S. A: membros frios, face pálida, debilidade na região lombar e nos joelhos, língua pálida, pulso profundo e filiforme, presença de frio interno def. de yang do rim, quando a função do Qi hua se encontra afetada onde os liquidos corporais não se transformam, escapando mais liquido que o normal pela urina.

    Xiao Ke (diabetes): def. yin do rimque faz com que o yang do rim prepondere, assim acelerando a sua função diurética.

    Oliguria: diminuição do volume urinário
    Calor patogeno ou desidratação= S.A: urina escassa e concentrada, cor amarela
    Def. de BA, Rim, Pulmão = S.A: urina escassa, não concentrada e edema superficiais, cor branca

    Freqüência:
    Polaciúria: freqüência de urinar, ir a toda hora

    Dissuria: dificuldade ao urinar, incomodo; pode ser por excesso ou defeciencia.

    Excesso: Umidade Calor no Jiao médio S.A: Dor com distensão abdominal, irritabilidade, sede, língua vermelha, saburra amarela e pegajosa, pulso rápido. (fator infeccioso)

    Deficiência:
    Def. Yang Rim: faz com que a bexiga não tenha força para realizar a excreção
    S.A: face pálida com brilho, depressão emocional, debilidade na região lombar e joelhos, voz baixa, fezes insconstantes, língua pálida, saburra levemente pegajosa.Def. de Qi: resultado de envelhecimento

    Sensações que acompanham:
    Dor e ardor durante a micção = calor
    Dor após urinar = def. qi
    Micção com dor aguda e intensa = Pedra
    Dor com sensação de vazio depois de terminanda a micção = deficiência
    Gotejo após micção; incotinencia urinaria, enurese ( tudo que sai sem controle) = Def. Yang do Rim
    Retenção = Calor e Umidade

    Anidrose

    Ausência completa de suor
    Etiologia: Fator patogeno exógeno Vento-frio; lesão dos liquidos corporais
    Wei Qi estagna, bloqueando as atividades funcionais das glândulas sudoripas, os poros se contraem e não produzem suor.
    Anidrose de caráter agudo é acompanhado de calafrios ou avrsão ao frio, febre leve, obstrução nasal, rinorreia clara, cefaléia, dor no corpo e pulso tenso.
    Lesão dos liquidos corporais, ficam insuficientes para transformar em suor em geral acompanha pele seca e áspera, cabelo ressecado boca e garganta secas.

    Suor é líquido do Coração.
    Ele é formado por destilação dos líquidos orgânicos.

    Os líquidos orgânicos JIN YE pertencem a natureza YIN e são produtos da essência da alimentação. O metabolismo dos líquidos é um processo complexo, que resulta da ação combinada de vários órgãos principalmente: P, BP, R e TA.
    O “JING” é parte leve dos líquidos e alimenta Pele.
    O”YE” é a parte pesada dos líquidos;Circula nas articulações, cérebro, medulas, orifícios somáticos,afim de alimentar o cérebro e a medula, lubrificar os orifícios da orelha, olhos, boca e nariz.

    Quando o Yang do Coração é vazio há abundância de suor.
    Quando o Yin do coração é vazio há suor noturno.

    Relação entre QI e JINYE: YANG = QI São provenientes da essência dos alimentos. YIN= JINYE A Formação, Distribuição e Expulsão do JINGYE dependem do QI, e em particular do P, BP, R e TA.

    Quando há pouco QI a atividade funcional de P, BP, R e TA estará diminuída, levando a estagnação ou acúmulo, EDEMA.

    Estagnação leva a diminuição de circulação de QI.

    Quando o Qi está vigoroso há aumento da atividade funcional do BP e E está aumentada, havendo boa produção de líquidos.

    Qi vazio = desaparecimento e não retenção de liquidos. Pode haver transpiração profusa ou poiuria

    Perda de liquido e perda de Qi.

    Aquele que perde sangue não tem transpiração. Aquele que transpira abundantemente tem menos sangue.

    Relação entre XUE e o JINYE

    Ambos provém da essência dos alimentos e são YIN. A função de ambos e umidecer e nutrir. Ambos produzem se mutuamente e reagem um sobre o outro: Xué é formando por Jin Ye na sua maioria. Quando há vazio ou esgotamento dos liquidos, temos vazio de Jin Ye e de Xué e os sinais são: transpiração profusas, diarréias, vômitos, doenças febris, taquicardia, respiração curta, membros frios, pulso tênue e fino.

    Causado por: Vento ou Vento – Calor mas podemos encontrar também ataque calor-umidade.

    Tipos de transpirações:

    Sudorese Exógena: Acompanha de febre aversão ao vento ou ao calor, pulso superficial forte e rápido.
    Etiologia: Invasao Vento calor; Invasão calor de verao

    Espontânea (endógena): ocorre após esforço físico, diurna. Pode aparecer seguida de astenia mental, pouca força, respiração curta e significa Yang Qi Vazio
    Etiologia:Def. Qi; Def. Yang

    Durante o Sono (endógena): Yin Vazio, levando ao excesso de Yang com sinais de: insônia, maças do rosto vermelhas, boca e garganta seca, calores nas palmas das mãos e solas, opressão e calor torácico, febres vespertinas.

    Def. Yin: se o Yin e def, existe calor interno, durante a noite o yang Qi aprofunda, o Wei Qi não consegue ser controlado no interior, flutuando paa superfície do corpo, em sua ascensão leva os liquidos corporais provocando sudorese.
    TTO:dispersar e acalmar o Yang ou nutrir Yin
    Etiologia: Xu de Yin

    Profusa (endógena): Abundante a ponto de molhar toda roupa e pingar gotas de suor.

    Dois tipos: por excesso e por deficiência

    Profusa por Excesso: febre intensa com sintomas de face vermelha, hiperemia ocular, sede com preferências de bebidas frias, língua vermelha e pulso vigoroso e rápido
    Etiologia: Calor excessivo no interior

    Profusa por deficiência: apresenta-se com profusa e fria, acompanha de palidez facial, membros frios sobretudo cotovelo e joelho, pulso profundo e débil, difícil de tomar ou superficial, amplo e desordenando.
    Etiologia: esgotamento ou colapso de yang

    Profusa: suor em grandes quantidade Jin Ye escorrem em abundancia.
    Ex: Pingos grossos com polipneia, astenia mental, pulso tênue (prestes parar)
    Significa que o Yang Qi esta prestes a desaparecer. E chama da transpiração do fim ou Terminal. Caso Grave.

    Com Calafrios: Ocorre primeiro calafrios, depois transpiração. E um luta entre o perverso e o correto.

    Neste caso se a febre abaixar e o pulso acalmar e caso de bom prognostico (perverso desaparece e correto estabeliza) Se a transpiração for seguida de agitação com aumento de freqüência do pulso e caso de mal prognostico (perverso vence e correto enfraquece)

    Frio: Vazio de yang, insuficiência de Wei Qi (fraqueza do envolcruo muscular)

    Quente: Vento calor externo ou por calor interno (aquece e expulsa o suor)

    Localização:

    Somente na cabeça: 4 diferentes estados

    a- inavação de patogeno de calor no jiao superior
    b- acumulo de umidade-calor no jiao médio
    c- calor invade o sangue
    d- def. extrema de yang

    Calor perverso e TA superior: febre, sede sem agitação, língua com saburra amarela, pulso superficial e precipitado

    Calor Umidade no Aquecedor médio: corpo pesado, fadigado, língua amarela, gordurosa e oliguria = calor ou calor umidade em E

    Classifica-se em:
    C/Sudorese: Estado de Def.
    S/Sudorese: Estado de Excesso

    Conforme área:
    Só na Cabeça: calor ou calor umidade no E
    Torácica: Def. Qi de Coração e Baço
    Palmas das mãos e planta dos pés: Def. Yin; Acumulo de calor no estomago e baço
    Oleosa na testa: Colapso de Yang
    So nos membros: Def. de E e BP
    So nas mãos: Def. do Qi P e dos nervos
    Corpo Inteiro: Def. do Fei Qi (P)
    Palmos, Solas, Tórax (sudorese 5 palmos) Def. yin

    Conforme condição Patológica:
    Profusa e fria e durante a patologia severa
    Colapso de Yang

    Oleosa na testa em forma de perolas e não fluida. Colapso de Yang eminência de morte

    Conforme tipo de sudorese:
    Oleosa: Def. Severa de Yang
    Amarela: Calor- Umidade

    Em uma parte do corpo (D/E; Sup/Inf)
    Tem como causas: Mucosidades do vento ou vento úmido obstruindo os meridianos.
    Yin (nutriente) e Wei (protetor) desregrados um em relação ao outro
    No peito ou tórax: Por ruminação intelectual cansa ou da insuficiência ou diminuição do Qi do BP e do C

  2. Ana Carolina Dias Says:

    Semiologia da Sede, Anorexia e Fome
    Sede
    Com Polidipsia – Sente muita sede e bebe muita água, apresenta uma lesão dos líquidos corporais (Jing Ye). Neste caso são 3 as principais síndromes:
    1. Por calor excessivo no interior. Sente muita sede, bebe muita água e tem preferência por bebidas frias devido ao suor excessivo. Lesa os líquidos corporais, por isso a necessidade da ingesta em grande quantidade para repor os líquidos.
    2. Em quadros de Xiao Ke (diabetes melitus). Sente muita sede, muita fome (com polifagia) e urina muito (com poliúria).
    3. Sente muita sede após quadro de vômito, diarreia e sudorese excessiva. Os sintomas excessivos lesam os líquidos corporais. É pouco comum, apenas em casos de drogas no organismo.
    Sem Polidipsia – sede com pouca vontade de beber líquidos, são quadros que por serem de deficiência de Yin ou Qi têm a capacidade de ascensão debilitada, não conseguindo umedecer a boca e garganta.
    1. Por deficiência de Yin e calor interno. Sente a boca seca com pouca vontade de beber líquidos, ingere apenas para umedecer a boca. Sintomas que acompanham: febrícula ao final da tarde, pouca saburra, rubor malar, pulso fraco e rápido e sudorese noturna.
    2. Por deficiência de yin e calor-umidade. Sente sede, mas bebe pouca água devido à umidade que está no interior. Sintomas que acompanham: sensação de peso na cabeça e corpo, saburra grossa e pegajosa, febre perniciosa e pulso escorregadio.
    3. Por fleuma patógena endógena de natureza yin. Sente sede, bebe pouco e tem preferência por bebidas quentes. Se a fleuma estiver estagnada no estômago ele perde sua função de descida fazendo com que o paciente vomite ao ingerir água.
    4. Quadro de calor-umidade com estagnação de sangue e Qi. O paciente só umedece a boca e não consegue engolir, pois neste quadro o corpo não consegue realiza o Qi Hua que é a transformação e distribuição do Jing Ye. (o sangue se transforma em essência e este em sangue). Sintomas que acompanham: língua violácea com petequéia e pulso áspero.
    Ausência de sede: o paciente não sente sede, isto ocorre devido a fatores endógenos por frio ou umidade, pois a capacidade do líquido de ser ingerido depende da quantidade de calor existente nos zang-fu. A ausência de sede faz com que os líquidos corporais não sejam utilizados corretamente.
    A anorexia é composta de 4 sintomas diferentes
    Apetite pobre: pouco apetite e se alimenta pouco. Sintomas que acompanham: pulso profundo e fraco, perda de peso, fezes amolecidas (def. Qi do Baço), cansaço.
    Repugnância alimentar: não consegue ingerir nenhum alimento. Não é muito comum. Sintomas: pulso escorregadio e rápido, vômito, dor abdominal, saburra grossa.
    Repulsão a comidas gordurosas: o paciente não consegue ingerir comidas gordurosas. Ocorre devido ao quadro de calor e umidade no fígado, causando a hiperatividade do fígado que ataca o baço, que por sua vez também não funciona adequadamente, deixando deficiente o processo de ascender Qi e sangue. O fígado perde sua função de drenar e dispersar, bloqueando também o canal da vesícula biliar.
    Sensação de plenitude abdominal: ocorre quando a umidade patógena consegue penetrar no corpo (observado com frequência no verão tardio), o órgão mais afetado é o baço, por ter sua natureza úmida, perdendo a função de transporte e transformação de nutrientes que produzem o Qi e o sangue. Sintomas: distensão abdominal com perda de apetite.
    Fome
    Com Polifagia se apresenta de 2 formas:
    1. Hiperatividade de fogo do estômago, o paciente além de comer muito e sentir muita fome o tempo todo, ele se sente irritado, tem constipação, mau hálito, língua com saburra amarela.
    2. Estômago forte e Baço fraco: também sente irritabilidade, tem a saburra amarela, halitose, porém suas fezes são finas e amolecidas, podendo evacuar várias vezes devido a deficiência do baço.
    Sem Polifagia: Sente fome, mas não tem apetite, come pouco e tem sensação de vácuo ou queimação no estômago, este calor no estômago é causado pela deficiência de yin do mesmo. Apresenta também pulso fraco, mas rápido e língua com pouca saburra.

  3. Eduardo Portela Says:

    FRIO

    E HANG (Frio Severo) – é quando a pessoa tem intolerância ao frio, mesmo que a pessoa se cubra ou tente se aquecer o frio não melhor. Esse frio é caráter agudo e acompanhado de febre. Usamos ventosa para este tipo. A causa é a invasão dos fatores patogênicos exógenos e em especial o frio.

    WEI HANG – é uma sensação de frio que melhora quando a pessoa se aquece de alguma forma. Normalmente a pessoa não gosta de inverno, é friorenta e sempre tem os pés e mão frias mesmo quando o clima está quente. Esse frio é de caráter crônico e utilizamos a moxa para tratamento. A causa é a deficiência do yang Qi e a invasão de frio patógeno excessivo diretamente ao interior, lesando o yang dos zang fu

  4. Sonolência

    É o estado intermédio entre o sono e a atividade plena dos sentidos, desejo de dormir, ou melhor, é o quadro onde a pessoa está sempre sonolenta, dorme profundamente em qualquer hora do dia, e em alguns casos mais graves dorme inconscientemente sem controle. Conhecida também como LETARGIA.
    Ela ocorre geralmente, por conta, da falta de nutrição da mente, pois o Yang Qi puro não chega até a mesma. Causas da sonolência: uma deficiência de Yang de coração e rim, ou acúmulo de Fleuma-umidade, que impede a ascensão do Yang Qi puro, pode ocorrer também como sintomas de febres que atacam o pericárdio ou por deficiência de Qi no baço e enfermidades febris que penetram ao nível Ying e Xue.
    Sonolência com astenia (cansaço) física – a pessoa mesmo após longa noite de sono, ainda continua com grande necessidade de descanso. Os sintomas são geralmente cansaço físico com sensação de peso nos ombros e de plenitude abdominal, cabeça pesada, anorexia, saliva pegajosa, ausência de sede, dificuldade para evacuar, urina escassa, língua obesa com saburra pegajosa, pulso superficial e sem força. Este quadro esta relacionado ao acúmulo de Fleuma-umidade que ataca especificamente o baço, não permitindo que o Yang Qi puro chegue a cabeça. Neste caso ela pode ter origem tanto exógena ( invasão de calor de verão e umidade) , como endógena (deficiência de Qi no baço , o que facilita o acumulo de fleuma e umidade no jião médio) .
    Sonolência sobretudo pós-prandial (após refeições) – a pessoa se sente sonolenta, desatenta e essa letargia aumente principalmente após as refeições. Os sintomas são respectivamente a falta de energia, fala lenta, fadiga sudorese facial que agrava a qualquer tipo de esforço , língua pálida com saburra branca e delgada, pulso filiforme e débil. O quadro esta relacionado a deficiência de Qi no baço que debilitado não cosegue levar o Yang Qi puro ao cérebro para nutri-lo. E é após as refeições , onde o Qi do baço e do estômago tem que participar do processo de digestão do alimentos que o sintoma de sonolência se agrava. Isso acontece porque o baço que esta fraco não consegue distribuir sua energia e realizar suas funções de transformação e transporte do alimentos juntamente com a função de ascensão do Yang Qi puro para a cabeça, ocorrendo assim a sonolência.
    Sonolência com grande debilidade corporal e depressão emocional – a pessoa é invadida por grande sono e debilidade , essa é a depressão emocional. Seus sintomas são fraquezas, a qualquer momento adormece, seus membros ficam frios, lábios e unhas arroxeados, língua verde-violácea ou pálida, saburra oleosa e branca, pulso fundo, lento e sem força. Este quando esta ligado a deficiência de Yang do coração e rim (frio patogênico que consome o Yang), com isso o frio interno diminui as funções vitais também e assim impede a chegada do Yag Qi puro a cabeça deixando a pessoa fraca e sonolenta , esse quadro é bastante comum em idosos.
    Sonolência com estupor e delírio – a pessoa fica com sono, mas ao mesmo tempo delira e se Vê em um estado de consciência parcial, com diminuição das reações motoras que é também denominado estupor. Os sintomas são febre com maior intensidade durante a noite, formação de hematomas, língua avermelhada e brilhosa, pulso rápido. Essa síndrome esta ligada as enfermidades febris que penetram ao nível do Ying Xue, isso ocorre porque o calor penetra ao nível do Ying e Xue lesando assim o pericárdio , por esse motivo o paciente fica sonolento, porém ao mesmo tempo com estupor e delírios.

    Humor e ânimo

    “As cem enfermidades tem sua origem nas emoções desordenadas. Quanto mais intensa é a desordem da emoção, mais grave será a enfermidade” ( Shao Yong, 1011-1077 ).
    De acordo com a Medicina Tradicional Chinesa, não existe diferença entre o fator físico (Zang Fu) e o fator psicológico (emocional), pois cada zang Fu carrega consigo uma emoção de ressonância. Os Zang Fu sofrem ação de determinados fatores emocionais que são: ira, medo, tristeza e preocupação, e então estas emoções serão a manifestação do estado energético do mesmo.
    Para a MTC o coração é o responsável pela ligação do mundo interno e externo de cada pessoa, é a capacidade de se relacionar com o mundo. O coração controla toda a parte emocional, as emoções sempre passam pelo coração primeiro e depois se interconecta com os outros órgãos que fazem ressonância direta com as emoções.
    O coração armazena Shen (espírito), esse Shen é então a expressão da atividade do sistema nervoso, dos Zang Fu, dos canais e colaterais, do sangue, da energia, da essência e dos líquidos corporais e representa toda atividade emocional e cognitiva. A influencia de emoções pode se manifestar em três formas: as emoções lesam os órgãos internos, as emoções desordenam os mecanismos do Qi ou as emoções influenciam uma enfermidade.
    As emoções afetam o Qi através da ira (manifestado por estagnação de Qi do fígado com hiperatividade do seu fogo) que o faz ascender, ela vem acompanhada de mudança de ânimo, sono com pesadelos etc. Da preocupação (manifestação da deficiência do Qi no baço) que o faz estancar, esse quadro vem com ansiedade, pensamentos ruins. Medo (manifestado por deficiência do Qi no rim) que o faz descer, esse vem com temor excessivo. Susto e indecisão (deficiência de Qi da vesícula biliar) que o desordena,vem com falta de autoconfiança e temor. Mas se vier também acompanhado de palpitação, insônia, sonhos excessivos, isso é manifestação da deficiência de Qi do coração e da vesícula biliar. Da tristeza e melancolia (uma deficiência de Qi do pulmão), esse quadro vem acompanhado de cansaço fácil, respiração fraca, entre outros. Da alegria excessiva (desordem do Qi do coração), apesar da alegria ser uma coisa boa, essa vem sem equilíbrio e com isso o Qi se desorienta na circulação e se dispersa, evaporando do coração podendo assim ocasionar uma síndrome maníaca, esse vem acompanhado de palpitação, intranquilidade, agitação etc.
    “Se não se alcança a melhora espiritual e não se cura o mal mental, então é impossível curar a enfermidade” ( Huang Di Nei Jing )

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: