ESTUDO DIRIGIDO – TURMA DE FORMAÇÃO EM MEDICINA CHINESA- ACUPUNTURA

1) NOME EM CHINÊS DOS SEGUINTES PONTOS: TODOS OS PONTOS DE ASSENTIMENTO, B40, E36, E40, F3, BP3, R3, F2, C3, F13, F14,VC4, VC6,VC17,P7, P9,C7,VB21, VB20,VB34, BP9,IG4, IG11.

2) QUAIS SÃO AS CARACTERÍSTICAS COMUNS DE LIU YIN E WU XIE?

3) QUAIS SÃO AS SÍNDROMES DE DEFICIÊNCIA DE CORAÇÃO E RIM? (CONJUNTAS- COM SINAIS E SINTOMAS).

4) QUAIS SÃO AS DIFERENÇAS DE SINAIS E  SINTOMAS DE XU DE SANGUE DO FÍGADO E XU DE YIN DO FÍGADO?

5) CADA UM DOS FATORES EXÓGENOS TEM UMA VERSÃO INTERNA, QUAIS SÃO ELAS? E COMO ELAS SE DESENVOLVEM?

6) DESCREVA TODOS O TRATAMENTO PARA UM PACIENTE COM DEFICIÊNCIA (XU DE YANG DO BAÇO) – QUAIS SÃO OS SINAIS E SINTOMAS. DESCREVA OS PONTOS JÁ MINISTRADOS EM AULA (direção da agulha e profundidade).

7) QUAIS SÃO AS DIFERENÇAS E SEMELHANÇAS ENTRE O VENTO INTERNO SHI E XU?

8) QUAIS SÃO OS SINTOMAS DO FRIO PATÓGENO QUE AFETA DIRETAMENTE O INTERIOR?

9) DESCREVA OS SINTOMAS CLÍNICOS DE FRIO POR DEFICIÊNCIA DE YANG(TODOS).

10) QUAIS SÃO OS ITENS MAIS IMPORTANTES AO INSERIR A AGULHA ?(CARACTERÍSTICAS DO TERAPEUTA E DO PACIENTE).

Bom trabalho, um novo caminho para a saúde em nossas mãos.

6 Respostas to “ESTUDO DIRIGIDO – TURMA DE FORMAÇÃO EM MEDICINA CHINESA- ACUPUNTURA”

  1. Carlos João Teixeira Fontes Says:

    1) NOME EM CHINÊS DOS SEGUINTES PONTOS: TODOS OS PONTOS DE ASSENTIMENTO, B40, E36, E40, F3, BP3, R3, F2, C3, F13, F14,VC4, VC6,VC17,P7, P9,C7,VB21, VB20,VB34, BP9,IG4, IG11.
    B13 – Fei Shu
    B14- Jue Yin Shu
    B15- Xin Shu
    B18- Gan Shu
    B19- Dan Shu
    B20- Pi Shu
    B21- Wei Shu
    B22- Sanjiao Shu
    B23- Shen Shu
    25- Da Chang Shu
    B27- Xiao Chang Shu
    B28- Pang Guang Shu
    B40- Wei Zhong
    E36- Zu San Li
    E40- Feng Long
    F3- Tai Chong
    BP3- Tai Bai
    R3- Tai Xi
    F2- Xing Jian
    C3- Shao Hai
    F13- Zhang Men
    F14- Qi Men
    VC4- Guan Yuan
    VC6- Qi Hai
    VC17- Zang Zhong
    P7- Lieque
    P9- Tai Yuan
    C7- Shen Men
    VB21- Jian Jing
    VB34- Yang Ling Quan
    BP9- Ying Ling Quan
    IG4- Hegu
    IG11- Quchi

    2) QUAIS SÃO AS CARACTERÍSTICAS COMUNS DE LIU YIN E WU XIE?
    Podem apresentar-se sozinhos ou combinados durante o processo patológico.
    Podem transformar-se mutuamente
    Possuem manifestações clínicas semelhantes

    3) QUAIS SÃO AS SÍNDROMES DE DEFICIÊNCIA DE CORAÇÃO E RIM? (CONJUNTAS- COM SINAIS E SINTOMAS).
    Xu de Qi do C
    O qi perde a função de impulsionar o sangue.
    Palpitação, respiração curta, sensação de opressão torácica, falta de ânimo e transpiração espontânea.
    Face pálida, língua pálida e obesa, pulso profundo e sem força.

    Xu de Yang do C
    Palpitação, respiração curta, sensação de opressão torácica, falta de ânimo, transpiração espontânea, membro frio, aversão ao frio e dor precordial.
    Língua pálida e obesa com saburra branca e oleosa. Pulso imperceptível.
    Xu de Xue do C
    Palpitação, insônia, sonhos excessivos, ansiedade, perda da memória e tontura.
    Face pálida ou amarela e sem brilho, lábios e língua pálida com saburra excassa. Pulso profundo e sem força.
    Xu de Yin do C
    Palpitação, insônia, sonhos excessivos, ansiedade, irritabilidade fácil, sensação de calor nos 5 centros, febrícula vespertina, sensação subjetiva de calor e sudorese noturna.
    Rubor malar, língua vermelha com saburra escassa, pulso filiforme e rápido.

    Xu de Yang do R
    Dor e debilidade na região lombar e joelhos que pioram com o frio e melhoram com o calor. Membros frios, sobretudo nos pés, visão embaçada, tontura, astenia física e emocional, impotência sexual, espermatorréia, infertilidade na mulher, diarreia crônica, edema sobretudo nos membros inferiores. Palpitação e dispneia.
    Face pálida com brilho e olheiras. Língua pálida e obesa, pulso profundo, lento e sem força.
    Xu de Yin do R
    Dor e debilidade na região lombar e joelhos, vertigem, zumbido, insônia, sonhos excessivos ou pesadelos. No homem ereção fácil com ejaculação precoce. Na mulher menstruação de pouco volume ou amenorreia. Febrícula vespertina, senação de calor nos 5 palmos (centros) e transpiração noturna.
    Constituição magra, rubor malar e fezes ressecadas, em bolinhas ou constipação.

    Xu de Jing de R
    Fase inicial da vida:
    Retardo mental, baixo coeficiente de inteligência, atraso do fechamento das fontenelas, debilidade óssea, dificuldade no desenvolvimento músculo-esquelético e psicomotor.
    Nos adultos:
    Envelhecimento prematuro, alopecia, depressão mental, tinido e hipoacusia, perda de memória, debilidade em membros inferiores, oligopermia e amenorreia na mulher. Pode haver hipofunção sexual ou infertilidade.

    Na síndrome conjunta os sinais e sintomas serão mais evidentes na parte superior do corpo para as deficiência de coração e na parte inferior para as de rins. Uma pode levar a outra pois o rim ele ao exerce a sua função corretamente resfria o coração. E por sua vez o coração aquece o rim.

    4) QUAIS SÃO AS DIFERENÇAS DE SINAIS E SINTOMAS DE XU DE SANGUE DO FÍGADO E XU DE YIN DO FÍGADO?

    Xu de Yin do F
    Vertigem, zumbido no ouvido com som de cigarra, olhos secos, calor nos 5 centros, calor na região intercostal e hipocôndrios, sensação de calor e sudorese vespertina, boca e gargantas secas e tremores nos membros.
    Rubor malar, língua vermelha com saburra escassa e pulso filiforme e rápido.
    Xu de Xue do F
    Visão embaçada, perda gruadual da acuidade visual, prurido ocular, insônia, ansiedade, depressão, pesadelo, pele áspera ou ressecada, parestesia, câimbra, fasciculações involuntárias, tremor e vertigem.

    5) CADA UM DOS FATORES EXÓGENOS TEM UMA VERSÃO INTERNA, QUAIS SÃO ELAS? E COMO ELAS SE DESENVOLVEM?
    Fatores exógenos: Vento, frio, calor de verão, umidade, secura e fogo.
    Versão interna: Vento, frio, calor, umidade e secura.
    O calor de verão não tem uma versão interna.

    Os fatores exógenos eles invadem o corpo através da pele, boca e nariz. Estão relacionados com mudanças sazonais. Podem surgir singurlamente ou em combinação, podem influenciar um ao outro ou transforma-se no outro.
    A versão endóngena é gerado sempre no interior, sempre está relacionado com a disfunção dos zang fu, qi, xué e jing ye, seja por excesso ou deficiência. Podem acontecer pela evolução do fator exógeno que penetrou no interior.

    6) DESCREVA TODOS O TRATAMENTO PARA UM PACIENTE COM DEFICIÊNCIA (XU DE YANG DO BAÇO) – QUAIS SÃO OS SINAIS E SINTOMAS. DESCREVA OS PONTOS JÁ MINISTRADOS EM AULA (direção da agulha e profundidade).
    Sinais e sintomas
    Aversão ao frio, membros frios, ausência de sede ou sialorréia, digestão lenta, apetite pobre, distensão abdominal, dor abdominal que melhora calor ou pressão, fezes amolecidas e finas ou diarreia crônica, fadiga fácil, sensação de peso nos membros e na cabeça, edemas surperficiais, leucorréia branca, pouca produção de urina.
    Língua pálida e delicada com saburra oleosa. Pulso profundo, lento e sem força.
    Tratamento
    B20(PI shu) inserção oblíquoa – 0,5 a 0,8 cun
    BP3(tai bai) inserção perpendicular – ,5 a 0,8 cun
    BP15(da shen) inserção perpendicular – 08, a 1,2 cun
    F13(zhang men inserção perpendicular – 0,8 a 1 cun
    Caso seja verificado e a causa do Xu de yang do Ba foi Xu de yang do R acrescentar:
    R7(fu Liu) inserção perpendicular – 05, a 0,8 cun

    7) QUAIS SÃO AS DIFERENÇAS E SEMELHANÇAS ENTRE O VENTO INTERNO SHI E XU?
    Semelhanças
    Apresenta paralisia nos membros e sempre há mudanças na língua e no pulso.
    Diferenças
    Xu
    Hemorragia abundante ou enfermidade crônica que provocam Xu de Xue que se transforma em vento interno. Podem ocorre paralisia e câimbras nos membros, tremor nas mãos e pés, vertigem, face pálida sem brilho, visão embassada e unhas mal nutridas.
    Etapa posterior de enfermidade febril, que lesa o yin e os líquidos corporais. Xu de yin transforma-se em vento. Pode m ocorre parestesia e câimbras nos membros, tremor das mãos e pés, vertigem, mais os sintomas de Xu de yin do F.
    Shi
    Ira ou estresse excessivo. Ascensão do Yang do F que transforma-se em vento. Podem ocorrer parestesia, vertigem que leva a queda, cefaleia com leve tremor da cabeça, rigidez da nuca, tremor das mãos e pés e perda da consciência.
    Calor patógeno é excessivo no interior lesando o fígado. O calor extremo transforma-se em vento. Podem ocorrer parestesia, febre alta que leva ao delírio e ao coma, rigidez da nuca, opistótono e trismo.

    8) QUAIS SÃO OS SINTOMAS DO FRIO PATÓGENO QUE AFETA DIRETAMENTE O INTERIOR?
    Quando ataca o interior há dor abdominal que não suporta a pressão com diarréias agudas, sensação de frio de frio que não esquenta com facilidade, dores no corpo. Língua pálida com saburra grossa e branca.

    9) DESCREVA OS SINTOMAS CLÍNICOS DE FRIO POR DEFICIÊNCIA DE YANG(TODOS).
    Membros sempre frios principalmente nos pés, urinas claras, preferência por comidas quentes (tanto em temperatura como em natureza), secreção e excreção clara e transparente, maior dificuldade para estender que para flexionar as extremidades, edemas e extremidades frias e ausência de sede. Pulso profundo e lento. Saburra fina.
    Pode afetar órgãos:
    Yang do coração – desconforto intenso com palpitação.
    Yang do baço – dor abdominal, distensão, astenia e sonolência.
    Xu de yang do rim – nictúria, incontinência, dores lombares crônicas e disfunção erétil. Preferência por estar agasalhado e encolhido, palidez cutânea, sintomas que agravam-se com o frio e aliviam com o calor. Dores de posição fixa.
    10) QUAIS SÃO OS ITENS MAIS IMPORTANTES AO INSERIR A AGULHA ?(CARACTERÍSTICAS DO TERAPEUTA E DO PACIENTE).
    TERAPEUTA
    Ter se preparado antes, ou seja, fazer qi gong, oração e etc.
    Ter todo material apropriado e perto para facilitar o manuseio.
    Ver se tudo está bem higienizado.
    Conhecer bem os pontos a serem utilizados.
    Demonstrar segurança ao paciente.
    Explicar ao paciente que a sensação de dor ou choque é normal e que cessará logo em seguida.
    PACIENTE
    Estar na posição adequada para a inserção.
    Ter conhecimento do que acupuntura.
    Estar, na medida do possível, relaxado.

    • acupunturaauricular Says:

      Carlos,
      Parabéns pelo interesse, resposta correta.
      Falta somente pensar mais nas síndromes EM CONJUNTO.
      DESTA FORMA OS SINAIS E SINTOMAS SE APRESENTARÃO DIFERENTES.
      BOA CAMINHADA,
      até dia 22 de maio.
      Prof.ra Raquel Terra.

  2. 1) B13 – FEI SHU B 40 – WEI ZHONG
    B 14- JUE YIN SHU E 36 – ZU SAN LI
    B15 – XIN SHU E 40 – FENG LONG
    B17 – GE SHU F3 – TAI CHONG
    B18 – GAN SHU BP3- TAI BAI
    B19 – DAN SHU R3 – TAI XI
    B 20 – PI SHU F2 – XING JIAN
    B21 – WEI SHU C3 – SHAO HAI
    B23 – SHEN SHU F13 – ZHANG MEN

    F14 – QI MEN VB20 – FENG CHI
    VC4 – GUAN XUAN VB21- JIAN JIN
    VC6 – QI HAI VB34 – YANG LING QUAN
    VC17 – DAN ZHONG BP9 – YIN LING QUAN
    C7 – SHEN MEN IG4 – HE GU
    P7 – LIEN QUE IG11 – QU CHI
    P9 – TAI YUA E35 – DU BI

    2) LUI YIN – Invasão externa.
    O ataque começa sempre na superfície do corpo.Sempre que voçê recebe um clima e adoecer,isso é uma síndrome exterior,não pegou o órgão.Ex: dor muscular,catarro,torcicolo.Esta vinculado as doenças climáticas ambientais,não necessariamente uma disfunção de zang fu.
    Wu Xie- O fator patógeno é gerado sempre no interior mas o exterior ajuda a agravar,ex: alimentação fria.Esta relacionado sempre com a disfunção dos Zang FU,Qi,Xue e Jing Ye,seja por excesso ou por deficiência.Sempre vai ocorrer mudanças no pulso ou na língua.Pode acontecer pela evolução do Liu Yin que penetrou no interior.Ex: toda hora voçê toma banho quente,uma hora sua defesa não aguenta.
    Liu Yin e Wu Xie podem apresentar-se sozinhos ou combinados durante o processo patológico.Podem transformar-se mutuamente e possuem manifestações clínicas semelhantes.

    3)Deficiência de Qi do coração e rim: palpitação,sensação de opressão toráxica,falta de ânimo,lombalgia,memória fraca,dor no joelho..
    Deficiência de yang coração e rim: palpitação,respiração curta e dispinéia,membro frio,aversão ao frio,dor e debilidade na região lombar e joelhos,pioram com frio e melhoram com calor,pés frios,diarréia crônica,edema, sobretudo membros inferiores.
    Deficiência de Yin coração e rim:palpitação,insônia,ansiedade,sudorese noturna,rubor malar,dor e debilidade na região lombar e joelhos,zumbido,vertigem,sonhos excessivos ou pesadelos,constituição magra,febrícula verpertina..

    4) XU De Sangue do Fígado: Deficiência de baço e rim que ficam incapazes de nutrir e criar sangue.
    Visão embaçada,perda gradual da acuidade visual,dormência,cãimbra,face amarelada ou pálida,sem brilho,unhas pálidas e fracas,tremor,vertigem,insônia,ansiedade,depressão,pele áspera ou ressecada.
    Xu De Yin do Fígado: Hiperatividade de fogo do fígado,doenças por calor de longa duração que acabam lesando o yin do fígado
    Calor nos 5 palmos,zumbido no ouvido com som de cigarra,irritabilidade,olhos secos,rubor malar,sensação de calor e sudorese vespertina,boca e garganta secas,tremores nos membros.

    5)Umidade: a umidade exógena pode penetrar no interior lesando a atividade funcional do baço.Uma debilidade do baço pode deixar o organismo suscetível a penetração de uma umidade exógena.É uma afecção de instalação aguda,os transtornos aparecem depois da exposição a umidade.
    Calor de Verão: é um fator yang e se instala de forma aguda.Ocorre em geral por exposição excessiva ao sol.Combina-se com a umidade em função das chuvas.Geralmente só acometem as pessoas nesta estação por causa das temperaturas excessivas alta ou exposição exarcerbada ao sol ou permanecer em lugares pouco ventilados.
    Vento: invade facilmente o corpo depois da transpiração ou durante o sono.Cracteriza-se através de mudanças rápidas,sintomas migratórios,início abrupto de doenças e evolução rápida.
    Frio: o frio pode penetrar no organismo pela superfície:pele e músculos bloqueia o wei qi e sua capacidade de aquecer.Vestimentas leves,exposições ao frio depois de transpirar-se,expor a chuva e andar em agua no frio do inverno.
    Após instalar-se na superfície penetra no interior lesando o yang dos zang fu.
    Fogo: significa a hiperfunção de um zang fu e portanto o fator gerado a partir do interior.O fogo possui uma relação com fatores emocionais.As cinco emoções em excesso se transformam facilmente em fogo.
    Secura: é o Qi predominante do outono,estação que é normalmente seca.É um fator patogênico yang que consome o jin ye e lesa o yin.Tende a transformar -se em calor.
    Prejudica a função do pulmão devido a falta de umidade pra dispersão e descendência do Qi.

    6) A deficiência de yang do Baço esta relacionada a deficiência de yang do rim que não aquece o baço e ou deficiência de Qi do baço.
    O paciente sentirá aversão ao frio,membros frios,digestão lenta,fezes amolecidas e finas ou diarréia crônica,sensação e peso nos membros e na cabeça.
    Podemos realizar o tratamento da seguinte forma:

    Pontos: Pi Shu( b20) com moxa,inserção oblíqua 0,5 a 0,8 a 1,5 lateral a linha média processo espinhoso.
    Shen Shu (b23) com moxa,inserção perpendicular 1,0 a 1,5 a 1,5 lateral a linha média processo espinhoso.
    Tai Bai(bp3) com moxa.Inserção perpendicular 0,5 a 0,8 proxima e inferior a cabeça do primeiro osso metatarso,na junção da linha da pele vermelha com a pele branca.
    Fu Liu(r7) com moxa inserção perpendicular 0,6 a 1,0 ,2 cun acima r3

    Alimentação: retirar alimento cru,bebida gelada,leite e derivados
    Qi gong estático sentado todos os dias 5 min.
    Auriculo;pontos tonificadores do sangue.

    7) A diferença é que o vento interno Xu vem de uma deficiência de sangue ou de yin do fígado e o vento interno Shi vem de um excesso,da ascensão do yang do fígado.
    Nos dois tipos de ventos existem a presença de vertigem, tremor e parestesia.

    8) Favorece a estagnação,dificulta a circulação de Qi e Xue,tende ao recolhimento e a contração.
    Membros frios,dor fria na região epigástrica e abdominal,diarreia que contem comida não digerida,fluxo aumentado e urina clara.

    9) Membros sempre frios, principalmente nos pés,urinas claras,preferência por comidas quentes(tanto em temperatura como natureza),secreção e excreção clara e transparente,edema e extremidades frias,ausência de sede,pulso profundo e lento,saburra fina,astenia,sonolência,nictúria,polaciúria,incontinência,dores lombares crônicas,disfunção erétil,palidez cutânea,dor abdominal,
    distensão.

    10) O terapeuta deve ter por perto todo material necessário para a consulta. Realizar sempre seu Qi gong antes de começar o atendimento.
    Higienizar mãos e material.Ambiente tranquilo,concentração e calma para realizar a inserçao.O terapeuta deve passar sempre segurança para o paciente que deverá estar deitado e relaxado respirando na barriga.

  3. Ana Carolina Dias Says:

    Assentimento:
    B13 – Fei Shu
    B15 – Xin Shu
    B17 – Ge Shu
    B18 – Gan Shu
    B19 – Dan Shu
    B20 – Pi Shu
    B21 – Wei Shu
    B23 – Shen Shu

    Outros:
    B40 – Wei Zhong
    E36 – Zu San Li
    E40 – Feng Long
    F3 – Tai Chong
    BP3 – Tai Bai
    R3 – Tai Xi
    F2 – Xing Jian
    C3 – Shao Hai
    F13 – Zhang Men
    F14 – Qi Men
    VC4 – Guan Yuan
    VC6 – Qi Hai
    VC17 – Zang Zhong
    P7 – Lieque
    P9 – Tai Yuan
    C7 – Shen Men
    VB21 – Jian Jing
    VB34 – Yang Ling Quan
    BP9 – Yin Ling Quan
    IG4 – He Gu
    IG11 – Qu Chi

    2. Características comuns de Liu Yin e Wu Xie:
    As duas podem ter o pulso superficial. O Liu Yin pode ser superficial devido ao fator patógeno exógeno estar penetrando no corpo e o Wu Xie pode ter o pulso superficial devido ao quadro crônico e grave de deficiência de yin que não consegue controlar o yang e este fica bem superficial. Nos dois casos também podem ocorrer febre, porém com sintomas diferentes, no Liu Yin a febre é mais severa e no Wu Xie a febre é mais branda. Um pode se transformar no outro. Exemplo: um fator exógeno que penetrou (Liu Yin) e transformou a temperatura de um zang-Fu (Wu Xie) pode também ter uma recuperação rápida e retornar para o exterior como um processo de expulsão, de eliminação do fator patógeno se apresentando novamente no pulso superficial.

    3. Síndromes de deficiência de Coração e Rim (conjuntas):
    Qi: Desânimo, palpitação, opressão torácica, “sensação do coração batendo em locais diferentes”, suor espontâneo
    Yin: Sudorese noturna, insônia, emissão seminal noturna, agitação, falta de concentração, rubor malar, lombalgia e dor nos joelhos, lingua vermelha, pulso rápido e profundo, zumbido no ouvido com som de mar ou sensação de ouvido tampado.
    Yang: Fraqueza nas pernas, dificuldade de sustentação do corpo, edemas principalmente inferiores, incontinência urinária, diarréia principalmente matutina, apatia, face pálida, baixa libido, impotência, aversão ao frio, dores lombar e joelho que pioram no frio, lingua pálida, pulso lento e profundo.

    4. Diferenças de sinais e sintomas de Xu de Yin e Xu de Xue do Gan:
    Xu de Yin: Tremores e cãimbras, olho seco, coceira nos olhos, conjutivite ou inflamações, irritabilidade, vertigem que roda, zumbido com som de apito ou cigarra, agitação, sudorese vespertina principalmente na região torácica, calor nas extremidades, unhas secas podendo ficar escuras.
    Xu de Xue: Parestesia de membros, cãimbras, pele seca, visão embaçada, vertigem que escurece, unhas fracas, face amarelada ou pálida e sem brilho, depressão, indiferença.

    5. Cada um dos fatores exógenos têm uma versão interna, quais são elas e como se desenvolvem?
    Fatores exógenos: Vento, Frio, Calor, Secura, Umidade (Chuva) ou Canícula e Calor de verão.
    Vento: Pode invadir através da pele e músculos por debilidade do wei Qi e exposição ao vento com chuva deixando os poros desprotegidos. Pode ocorrer rigidez na nuca, resfriado, podendo invadir e se combinar com outros fatores internos como umidade, frio e calor.
    Frio: Também pode invadir pelo mesmo fator acima, ou mudanças repentinas de temperatura, hábitos como acontece muito no calor a ingestão de bebidas geladas. O frio lesa o yang dos zang-Fu, mas pode se combinar também com outros fatores endógenos como o excesso de umidade no Baço, excesso de frio no Rim, fleuma no estômago.
    Calor: O calor exógeno pode se combinar com o calor em excesso de algum Zang (exceto o Baço) que esteja em desarmonia. Exemplo: o calor endógeno é gerado pelas emoções em excesso e mantidas por muito tempo. As pessoas que possuem uma deficiência de yin costumam se sentir mal no verão por somar um calor externo com o interno.
    Calor de Verão: pode ser uma insolação por exposição excessiva ao sol ou permanecer por muito tempo em local quente sem ventilação.
    Secura: Normalmente atinge mais o Zang Pulmão por ter sua natureza mais seca. Ambientes secos sem chuva faz com que o Pulmão fique sobrecarregado com dificuldade de circular o Qi.
    Umidade: Costuma atingir mais o Zang Baço por ter sua natureza mais úmida. No verão (principalmente no RJ), no outono e na canícula por serem mais úmidos são épocas do ano que para quem tem debilidade do Baço os sintomas se agravam. Os hábitos como banhos demorados e alimentos frios também agravam esses sintomas.
    6. Quais os sinais e sintomas de Xu de Yang do Baço? Descreva todo o tratamento com os pontos ministrados em aula.
    Fadiga e cansaço principalmente durante o dia, sensação de peso nos membros e cabeça, digestão lenta, fezes amolecidas ou diarreia que pode ser crônica, pulso lento e profundo, aversão ao frio com membros frios, fraqueza muscular, varizes. A deficiência de yang do Baço pode lesar o yang do Rim ou vice versa e sobrecarregar o estômago por não conseguir transformar os alimentos fazendo com que acumule alimentos causando mal estar como, náuseas e falta de apetite principalmente pela manhã.
    O tratamento é tonificar Baço e Rim com moxa nos pontos de assentimento B20 (Pi Shu), B23 (Shen Shu), ponto fonte Bp3 (Tai Bai) com moxa, R7 (Fu Liu) com moxa F13 (Zhang Qi) com moxa. Ou, se for crônico com umidade de muito tempo pode optar pelo Bp9 (ying Ling Quan) com moxa junto com o Bp3 e neste caso não usar o R7.
    Auriculomedicina: Baço, Triângulo digestivo (estômago, cárdia e duodeno), endócrino, subcórtex, Rim, Fígado e Vesícula Biliar.
    Para casa: Qi Gong do Rim e estático diariamente. Modificar a alimentação retirando os alimentos frios e acrescentando alimentos que tonifiquem o Baço e Rim como a batata baroa, mandioca, cenoura, alimentos cozidos, acrescentar grãos, feijão e se alimentar adequadamente nos horários corretos sem espaçar muito o tempo das refeições.
    7. Quais as diferenças e semelhanças entre vento interno Shi e Xu?
    As diferenças são que o vento interno Shi é proveniente de um excesso, de uma ascensão do yang e a do vento interno Xu é proveniente de uma deficiência de yin ou de Xue.
    A semelhança é que os dois vêm de uma desordem do mesmo zang, o fígado e têm sinais e sintomas iguais como tremor, irritação, câimbras, parestesias, espasmos, agitação.
    8. Quais os sintomas de frio patógeno que afeta diretamente o interior?
    Os sintomas de frio afetam diretamente o interior quando o interior já se encontra com uma deficiência de yang ou excesso de umidade. O frio quando se torna patógeno ele provoca dores abdominais por dificultar a digestão, diarreia ou fezes com alimentos, diarreia matutina por não ter o yang forte para ascender pela manhã e transformar os alimentos, aversão ao frio, dores articulares e lombar, edemas e cansaço.
    9. Descreva os sintomas clínicos de frio por deficiência de yang?
    Impotência sexual ou disfunção erétil, baixa libido, infertilidade, incontinência urinária, poliúria, urina clara, fezes amolecidas, sem forma ou diarréia, cansaço, fadiga muscular, dores nos joelhos e lombar, membros frios, saburra branca, pode ser fina ou grossa se tiver um excesso, pulso lento.
    10. Quais os itens mais importantes ao inserir a agulha?
    Ter por perto todo o material necessário, como: caneta, pinça, algodão, álcool, agulhas, moxa, papel de proteção, fita crepe, suporte em inox para retirar as agulhas, Descarpack. Higienizar as mãos, estar concentrado e em um ambiente tranquilo. Informar ao paciente o que será realizado.

  4. valeria Carla Cantarini Says:

    1) NOME EM CHINÊS DOS SEGUINTES PONTOS: TODOS OS PONTOS DE ASSENTIMENTO, B40, E36, E40, F3, BP3, R3, F2, C3, F13, F14,VC4, VC6,VC17,P7, P9,C7,VB21, VB20,VB34, BP9,IG4, IG11.

    Pontos de Assentimento
    Nome em Chinês
    B 13 Ponto Shu do Pulmão, nome em chinês é Feishu, ponto do pulmão.
    B 14 Ponto Shu Dorsal do Pericárdio, nome em chinês é Jueyinshu.
    B15 Ponto Shu Dorsal do Coração, nome em chinês é Xin shu.
    B16 Ponto Shu dorsal Du mai, nome em chinês é Dushu.
    B17 Ponto do diafragma, nome em chinês é Geshu.
    B18 Ponto do Fígado, nome em chinês é Ganshu.
    B 19 Ponto da Vesícula Biliar, nome em chinês é Danshu.
    B20 Ponto do Baço, nome em chinês é Pishu.
    B21 Ponto do estomago, nome em chinês é Weishu.
    B 22 Ponto do San Jiao, nome em chinês é Sanjiaoshu
    B23 Ponto do Rim, nome em chinês é Shenshu.
    B 24 Ponto Shu do Qihai, nome em chinês Qihaishu.
    B 25 Ponto Shu do Intestino Grosso, nome em chinês é Dachangshu.
    B 26 Ponto Shu do Portão original, nome em chinês Guanyuanshu.
    B 27 Ponto shu do intestino delgado, nome em chinês é Xiaochangshu.
    B 28 Ponto Shu da Bexiga, nome em chinês é Pangguangshu.
    B 40 Ponto He (Mar) do Canal da Bexiga, nome em chinês, Weizhong.
    E 36 Ponto He (Mar) do Canal do Estomago, nome em chinês, Zusanli.
    E40 Ponto Luo (conectante) do Canal do Estomago de onde parte o Canal Luo transversal para o BP-3 para fazer a união externa do Estomago com o Baço, nome em chinês é Fenglong, Rico e prospero.
    F3 Ponto Shu (Riacho) e Ponto Yuan (Fonte), nome em chinês é Taichong, Grande jorrante.
    F2 Ponto YING (Manancial) do Canal do fígado, nome em chinês Xingjian, Passar entre.
    F13 PONTO MO do Baço, Ponto de reunião do Qi dos Órgãos, nome em chinês Zhangmen, Porta resplandecente.
    F14 Qimen, Porta cíclica, Ponto MO do canal do fígado. Nele se reúnem o Yin Wei Mai e o canal do Baço.
    BP 3 Nome em chinês Tai bai, que significa Grande branco, PONTO SHU (riacho) do canal do Baço, Ponto fonte do canal do Baço.
    BP 9 Nome em chinês Yinlingquan, que significa Manancial do montículo, Ponto He do canal do Baço.
    R 3 Nome em chinês Taixi, que significa Grande Riacho, Ponto Shu (Riacho) do canal do Rim. Ponto Yuan (fonte) do canal do rim.
    C3 Nome em chinês Shaohai que significa Pequeno Mar, Ponto HE (Mar) do canal do Coração.
    C7 Nome em chinês, Shenmen, que significa Porta da Mente, Ponto Shu (Riacho). Ponto de dispersão do canal do coração. Ponto fonte do canal do coração (Yuan).
    VC 4 Nome em chinês Guanyuan, que significa Residência do Qi primordial, Ponto MO do Intestino delgado,Nele se reúne o canal do fígado, baço e rim.
    VC 6 Nome em chinês Qihai que significa Mar do Qi.
    VC 17 Nome em chinês Shangzhong ou Tanzhong que significa meio do Tórax, Ponto de reunião do Qi, Ponto Mar do Qi superior, PONTO MO do pericárdio, Ponto coalescente do Ren Mai com os canais do Intestino delgado, São Jiao, Baço, Rins.
    P7 Nome em chinês, Lieque que significa brecha divergente, PONTO LUO (conectante) do canal energético do Pulmão.
    P9 Nome em chinês, Taiyuan, significa Lago Profundo, PONTO SHU (Riacho) do canal do Pulmão. Ponto de tonificação e ponto Yuan (Fonte)do canal do pulmão.Ponto de influencia que domina os vasos.
    IG4 Nome em chinês, Hegu, significa, Vale convergente, PONTO YUAN (fonte) do canal do intestino grosso, onde chega a energia Luo transversal do canal do Pulmão.
    IG11 Nome em chinês Quchi, que significa, lagoa tortuosa. PONTO HE (Mar) do canal do Intestino Grosso. Ponto de tonificação geral.
    VB 21 Nome em chinês JIANGJING, que significa, Poço do ombro, nele se reúne o Yuang Wei Mai e o São Jiao.
    VB20 Nome em chinês Fengchi, que significa, Lagoa dos ventos. Ponto comum do canal da vesícula biliar com o canal curioso Yang Wei
    VB34 Nome em chinês Yanglingquan, que significa Riacho do monte Yang. PONTO HE (Mar) do canal da vesícula biliar. Ponto de união inferior da Vesícula biliar. Ponto de influencia da energia dos tendões.
    2) QUAIS SÃO AS CARACTERÍSTICAS COMUNS DE LIU YIN E WU XIE?
    O Wu Xie é o perverso no interior.
    O fator patógeno e gerado no interior, esta relacionado sempre com a defunção dos zang fu, xué, jing ye, seja por excesso ou por deficiência. Pode acontecer pela evolução do Liu Yin que penetrou no interior. Sempre vai a ocorrer mudança no pulso e na língua.
    O Liu Yin
    Esta vinculado as doenças climáticas ou ambientais. O ataque começa sempre na superfície do corpo. Não há necessariamente uma disfunção do zang fu.
    As semelhanças são que podem apresentar se sozinhos ou combinados durante um processo patológico.
    Podem transformar-se mutuamente.
    Possuem manifestações clinicas semelhantes.
    3) QUAIS SÃO AS SÍNDROMES DE DEFICIÊNCIA DE CORAÇÃO E RIM? (CONJUNTAS- COM SINAIS E SINTOMAS).
    DESAROMINA ENTRE CORAÇÃO E RIM
    Patologia 1
    Deficiência do yin do rim fracassa em ascender para nutrir o coração.
    Hiperatividade do yang do coração.
    Sintomas. Dor nas costas e emissão seminal, com inquietude mental, palpitação, insônia e transtorno do sonho no sono.
    Patologia II
    Deficiência do yang do coração, não ajuda a esquentar o fogo do Ming men.
    A deficiência do yang do rim não mobiliza os líquidos corporais adequadamente.
    Sintomas. Edema, calafrio,membros frios, acompanhado por palpitação, brevidade da respiração e plenitude torácica.

    4) QUAIS SÃO AS DIFERENÇAS DE SINAIS E SINTOMAS DE XU DE SANGUE DO FÍGADO E XU DE YIN DO FÍGADO?
    N a deficiência de yin do fígado a estrutura e a essência do fígado ficam comprometidas.
    sinais e sintomas
    Vertigem, zumbido no ouvido com som de cigarra, olhos secos, rubor malar, calor nos 5 centros, calor na região intercostal e hipocôndrios.
    Sensação de calor e sudorese vespertina, boca e gargantas secas, tremores nos membros.
    Língua vermelha com saburra escassa y pulso filiforme e rápido.
    Na deficiência de xué do fígado tem deficiência da qualidade e do volume da sangue armazenada no fígado, comprometendo sua atividade funcional.
    Sintomas e sinais
    Face amarelada o pálida, sem brilho, lábios pálidos, unhas pálidas e fracas, parestesia, câimbra, fasciculações involuntárias, tremor, vertigem.
    Visão embaçada, perda gradual da acuidade visual, prurido ocular, insônia, ansiedade, depressão, pesadelo, pele áspera ou ressecada.

    5) CADA UM DOS FATORES EXÓGENOS TEM UMA VERSÃO INTERNA, QUAIS SÃO ELAS? E COMO ELAS SE DESENVOLVEM?
    Fatores exógenos:
    Vento,Calor,Frio,Umidade e Secura.
    A umidade se desenvolve por morar em locais úmidos, permanecer muito tempo com roupa molhada, por invasão de umidade patógena, usar roupas úmidas a traves do contato do suor a umidade penetra.
    A umidade exógena pode gerar a umidade endógena,
    A umidade exógena pode penetrar no interior lesando a atividade funcional do baço.
    Uma debilidade do baço pode deixar o organismo suscetível a penetração de uma umidade exógena.
    E uma afecção de instalação aguda, os transtornos aparecem depois da exposição a umidade.
    O Calor do verão
    Ocorre em geral em exposição excessiva ao sol.
    Relacionado com características agudas.
    O paciente apresenta sensação de calor.
    Pode perturbar o coração, provocando insônia, intranquilidade, ansiedade, irritabilidade e palpitação.
    O calor do verão e combinado geralmente com umidade patogênica, desde que o verão caracterize por umidade alta.

    O Vento
    INVADE FACILMENTE O CORPO DEPOIS DA TRANSPIRAÇÃO OU DURANTE O SONO.
    Vento Exógeno: Características, é o fator patogênico exógeno primário causador das doenças, isto é ele favorece a entrada dos outros.
    É um fator patogênico Yang e se caracteriza por dispersão para cima e para fora, provocando a perversão do Qi para o alto.
    Invade facilmente a parte superior do corpo.
    Caracteriza-se por constante movimento: tontura, vertigem, tremor, convulsões, espasmos musculares, tiques, torcicolos e epistotomos.
    O FRIO
    O frio é um fator patógeno yin que consome o yang.
    É a energia predominante do inverno.
    O frio pode penetrar no organismo de duas formas:
    Pela superfície; pele e músculos, bloqueia o Wie qi e a sua capacidade de aquecer.
    Após instar se na superfície penetra no interior lesando o yang dos zang fu.
    Quando o frio é interno chama-se wu xié.
    Características do frio;
    O frio favorece a estagnação dificulta a circulação de qie e xué, tende a recolhimento e a contração.
    Quadro clínico;
    Membros frios.
    Dor fria na região epigástrica e abdominal
    Diarreia que contem comida não digerida.
    Fluxo aumentado de urina clara.
    O FOGO
    Causado por excesso de yang qi, [e um fator patógeno gerado a partir do interior decorrente da hiperfunção de 1 zang fu, ex;
    Hiperatividade do fogo do coração;
    Hiperatividade do fogo do fígado;
    Hiperatividade do fogo do estomago.
    Quando nos referimos do calor estamos identificando o fator patógeno exógeno. Como por ex.; vento-calor, calor-umidade.
    Calor (re) significa calor patógeno exogeno.
    Fogo (Huo) significa hiperfunção de um zang fu e, portanto o fator gerado a partir do interior.
    Fogo possui uma relação com os fatores emocionais.
    É frequente que os sintomas apareçam na região da cabeça.
    O calor e o fogo perturbam com muita facilidade o coração e o pericárdio, provocando; insônia, irritabilidade, intranquilidade, ansiedade, delírio.
    A SECURA
    É o qi predominante do outono, esta estação é normalmente muito seca.
    É o fator patogênico Yang que consome o Jin Ye e lesa o Yin.
    Tende a transformar se em calor.
    Consome o fluido do corpo, sede com boca excessivamente seca, pele rugosa, seca e fissurada, os pelos do corpo secos, constipação e micção reduzida, língua fissurada e seca com saburra seca, aparição secundaria de sinais de calor (vermelhidão, febre e sensações de calor).
    6) DESCREVA TODOS O TRATAMENTO PARA UM PACIENTE COM DEFICIÊNCIA (XU DE YANG DO BAÇO) – QUAIS SÃO OS SINAIS E SINTOMAS. DESCREVA OS PONTOS JÁ MINISTRADOS EM AULA (direção da agulha e profundidade).

    Paciente com deficiência (Xu de Yang do Baço)
    Sinais e sintomas:
    Acrescenta sintomas de frio.
    Aversão ao frio, membros frios, ausência de sede ou sialorreia, digestão lenta, apetite pobre, distensão abdominal, dor abdominal que melhora com calor ou pressão, fezes amolecidas e finas ou diarreia crônica, fadiga fácil.
    Sensação de peso nos membros e na cabeça, edemas superficiais, leucorreia branca, pouca produção de urina. Língua pálida delicada, com saburra oleosa. Pulso profundo, lento e sem força.
    Pontos de acupuntura:
    Pi shu- B20
    A 1,5 lateral a linha media, horizontalmente a margem inferior do processo espinhoso da 11ª, vértebra torácica. Inserção perpendicular, ligeiramente direcionada a medula espinhal, 0,5 a 0,8 cun de profundidade.
    E 36
    Inserção 1 a 2 cun, perpendicularmente.
    BP 10 com moxa
    Inserção perpendicular de 1 a 1,5 cun.
    BP 3
    Inserção perpendicular, de 0,5 a 0,8 cun. Com moxa.

    7) QUAIS SÃO AS DIFERENÇAS E SEMELHANÇAS ENTRE O VENTO INTERNO SHI E XU?
    Vento interno Shi:
    Excessos.
    Ira ou estresse excessivo.
    Ascensão do yang do fígado, que transforma se em vento.
    Vertigem que leva a queda, cefaleia com leve tremor da cabeça, rigidez na nuca, parestesia e tremor das mãos e pés, perda da consciência.
    O calor patógeno é excessivo no interior, lesando o fígado.
    O calor extremo transforma se em vento.
    Febre alta, que leva ao delírio e ao coma, rigidez na nuca, epistotomo e trismo.
    Vento interno Shu:
    A deficiência de Xue transforma se em vento interno.
    Hemorragia abundante ou enfermidade crônica que provoca Xu de Xue.
    Paralisia e câimbra nos membros, tremor nas mãos e pés, vertigem, face pálida sem brilho, visão embasada, unhas mal nutridas.
    Deficiência de Yin transforma se em vento, que lesa os líquidos corporais e o Yin.
    Parestesia e câimbra nos membros, tremor das mãos e pés, vertigem, mais os sintomas de Xu de Yin do Figado.
    8) QUAIS SÃO OS SINTOMAS DO FRIO PATÓGENO QUE AFETA DIRETAMENTE O INTERIOR?
    Dor abdominal que não suporta a pressão com diarreias agudas.
    Sensação de frio que não esquenta com facilidade.
    Dores no corpo.
    Pulso profundo e tenso.
    Língua pálida com saburra branca e grossa.
    9) DESCREVA OS SINTOMAS CLÍNICOS DE FRIO POR DEFICIÊNCIA DE YANG(TODOS).
    Membros frios principalmente nos pés.
    Urinas claras.
    Preferência por comidas quentes.
    Secreções e excreção claras e transparentes.
    10) QUAIS SÃO OS ITENS MAIS IMPORTANTES AO INSERIR A AGULHA ?(CARACTERÍSTICAS DO TERAPEUTA E DO PACIENTE
    Ao inserir a agulha limpar a área com algodão verificando previamente o local e a inserção adequados. Conversar com o paciente para ele avisar quando sentir o choquinho da agulha. Verificar na entrevista previa o pulso e a língua do paciente, alem de outras perguntas pertinentes ao diagnostico. Cuidar de que o paciente tenha comido antes.
    O terapeuta tem que estar concentrado e pendiente de qualquer sintoma estranho o fora do normal. Cuidado na higiene pessoal, lavando as mãos antes e depois da aplicação.
    Eliminar as agulhas no local correspondentes, ao igual que o algodão.
    Ter ao alcance da mão todos os materiais pertinentes, algodão, agulha, isqueiro, moxa, álcool, e demais que possa precisar.
    Reconfortar ao paciente a cada instante, falando o que se vai a fazer.
    Manter o ambiente acolhegante.

    ;

  5. acupunturaauricular Says:

    excelente trabalho!!! estamos todos crescendo juntos!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: